9/21/2015 01:24:00 PM


#IntimaDaTransição - Leticia Barros




Olá pessoal,



Hoje tem #IntimasDaTransição e nos vamos conhecer a historia da linda Letícia , que com apenas 14 anos já enfrentou muitas dificuldades e preconceito , eu fiz o convite para a Le com o intuito dela contar sobre as lindas tranças mas fui surpreendida com a historia... 




Meu nome é Letícia,tenho 14 anos,moro em Poá,São Paulo.
Quando eu tinha 6 anos,foi a primeira vez que tive que "lidar" com o racismo,uma garota estava sentada ao meu lado e me faz a pergunta mais absurda que uma criança poderia escutar "Por que sua pele é suja e seu cabelo também?" eu infelizmente fiquei sem reação , não tinha argumentos,apenas disse "Não sou suja,tomei banho  e ainda lavei meu cabelo, pode cheirar, eu estou bem cheirosa!",a menina faz outra pergunta "Mas por que você tem essa cor?Parece que você é suja",eu olhei pra ela e com as lágrimas escorrendo dos meus olhos disse:"Eu nasci assim!".Fiquei com muitas interrogações na cabeça  mas não sabia o que fazer, no dia seguinte contei toda a historia para a minha irmã que ficou horrorizada , de imediato ela falou com a minha tia, para que ela conversasse com a professora mas então tudo ficou pior, a professora pediu para a menina pedir desculpas para mim mas depois que minha tia foi embora ela brigou comigo na frente de todo mundo , nunca vou esquecer das palavras dela "Você vai pra casa se fazendo de pobre coitada,querendo acabar com a minha imagem, por que você não me contou fez todo esse drama,pra que isso?!". 

Sinceramente eu não sei por que não consegui responder ou contar tudo para meus pais,sempre guardei esta historia , com o passar do tempo o único pensamento que eu tinha era alisar o cabelo,para parecer mais com os outros,eu sempre achei lindo cabelo crespo,mas pensava assim "seu eu tiver cabelo liso talvez eu seja mais aceita pelas outras pessoas.''


Quando eu tinha nove anos implorei para minha mãe pranchar meu cabelo,fiz um drama total mas consegui...





Foi passando os anos e veio as químicas , meu cabelo caiu e fui ficando com a auto-estima lá em baixo, até que em um belo dia me olhei no espelho e pensei "mesmo com todo esse cabelo liso,ainda continuo sofrendo racismo, não é o meu cabelo que vai melhorar isso,quem deve se sentir bem com a minha aparência sou eu e não os outro"  então a partir daquele momento deixei de passar química.isso em 2012 ,mas infelizmente não estava aguentando passar pela transição e sem apoio ficou mais difícil,então voltei a usar química mas agora apenas passava na raiz do cabelo,tinha cachos mas era quimicamente tratados,mesmo assim eu ficava muito dependente da química ,então a partir daquele momento deixei de passar química.

Somente no final do ano de 2014,parei realmente de usar química,comecei a fazer muitas pesquisas,fazer parte de grupos,ler blogs relacionados a cabelo crespo,então fiz a descoberta das tranças soltas,me apaixonei e decidi usa las,foi a melhor coisa que eu fiz na minha vida,me sinto muito bem ,meu cabelo hoje é 100% natural.










Ainda uso as tranças até meu cabelo ficar do tamanho que eu quero,logo logo não vou mais usar.














''Acho que a aceitação tem que partir da pessoa, sim é difícil mas vale a pena,nada melhor do que estar bem consigo mesma,eu nunca teria conseguido passar por tudo isso sem as mulheres que me inspiraram,mesmo sem nem saber da minha existência ou me conhecer,  me ajudaram muito.A cada dia que passo me sinto mais forte para lidar com a situações do meu cotidiano,espero um dia poder servir de inspiração e ajudar todas a meninas que estão ou pensam em passar pela transição.Muito obrigado!''














Espero que tenham gostado dessa historia maravilhosa pois eu AMEEEEEI , e isso que a Le disse é a pura verdade a ACEITAÇÃO em primeiro lugar tem que vir de você e não dos outros , faça o que seu coração manda e o que te faça bem sem se importar com a opinião dos outros ♥  





  • Share:

You Might Also Like

0 comentários